CORPO MENTAL INFERIOR

Enviado por A. Cavalcanti 4 Comentários 09/07/2009

CORPO MENTAL INFERIOR.

O corpo mental inferior é formado pela: Mente Instintiva também conhecida por Instinto, Mente Subjetiva, Sub-Consciente ou Inconsciente.

É a sede onde na intimidade do homem, permanecem em estado latente as paixões, emoções, sensações, apetite, instintos, sentimentos, impulsos e desejos da natureza grosseira e violenta, porque são provindos da época de sua formação animal. Cabe ao homem disciplinar e dominar essas forças vivas que herdou da “fase animal” e lhe fazem pressão interior. Deve examinar-lhes as ações intempestivas, os impulsos sub-reptícios e submetê-los ao raciocínio superior.

É certo que a fome, a sede ou o desejo sexual animal são anseios justos e imprescindíveis, que a Mente Instintiva transmite ao homem para prosseguir ativos no plano físico. No entanto, apesar dessa justificativa, o homem se evangeliza mais cedo, quando se torna frugal, abstêmio e de continência sexual, porque tais práticas, além do limite fixado pelas necessidades humanas, terminam por escravizar o homem aos grilhões da vida inferior animal.

A brutalidade, malícia, a violência, a desforra, a astúcia ou a voracidade, embora sejam qualidades louváveis e necessárias á sobrevivência, do animal sob a direção da Mente Instintiva, hão de ser um grande mal, quando a serviço do homem, que já possui o discernimento superior do raciocínio.

Isto é um bem necessário e justificável praticado entre os animais; mas, é um mal, quando usado pelo homem. Daí, a curiosa identificação de alguns pecados com certos tipos de animais, como: a traição é instinto do tigre; a perfídia é da cobra; o orgulho é do pavão; a glutonice é do porco; a crueldade é da hiena, o egoísmo é do chacal; a libidinosidade do macaco; a fúria é do touro; a brutalidade é do elefante e a astúcia é da raposa.

A Mente Instintiva é a manifestação Cósmica mais elementar, operando nos mundos planetários, pois a sua primeira atuação é no reino mineral, onde dá forma aos cristais. Do reino mineral, a sua atividade se amplia para o reino vegetal, motivo porque as plantas já demonstram uma instintiva inteligência, como no fenômeno do tropismo, no processo de fecundação, germinação, crescimento e no processo de ciladas mortais usadas pelas espécies carnívoras para devorar os insetos. Depois em sentido cada vez mais ascendente, ela elabora e coordena o reino animal, onde sua interferência valiosa prepara os rudimentos do equipo carnal para servir ao homem futuro.

No homem, ela em sua sabedoria instintiva, orienta e controla todos os atos humanos, que podem ser executados sem a atenção do consciente, pois toda experiência ou conhecimento acumulado é o resultado do desenvolvimento desde o reino mineral, vegetal e animal, transformando-se no alicerce para o homem firmar-se na conquista dos planos superiores.

É graças a ação da Mente Instintiva, que ensinou as espécies animais a fazerem as coisas necessárias para a sua sobrevivência e progresso, a transformação dessas experiências vividas em ações autômatas, e as arquiva, como “tarefas-modelos” para, mais tarde, servirem ao homem sem necessidade de consultar o intelecto ou gastar as energias do raciocínio. Por isso o homem não precisa pensar para andar, respirar, digerir ou crescer, nem para outras múltiplas atividades do organismo, como produção e separação de células, de lesões orgânicas, defesas contra vírus, obliteração de vasos sanguíneos ou formação de cicatrizes protetoras.

A Mente Instintiva é o arquivo dos aprendizados por toda a vida, para serem consultados no momento necessário e utilizados, sem precisar consultar o intelecto mediante a necessidade de realizar uma operação já aprendida, como na execução de uma música, no ato de dirigir um veículo, de escrever. A Mente Instintiva se encarrega de recordar ao homem seu aprendizado anterior.

Inconsciente é o nome que damos á porção de nossa memória multimilenar que guarda os registros do passado, desta e de outras vidas. Fica bloqueada temporariamente, em sua maioria, para que possamos suportar as vivências do hoje, sem nos desequilibrar com a carga de lembranças. A evolução vai dilatando a consciência e permitindo-lhe ter acesso cada vez maior a esse território interior, até o momento em que o presente e o passado se emendam, e o espírito então é senhor de todo o seu mundo interno: tudo passa a ser consciente, na claridade de sua memória sideral completa.

4 Responses to “CORPO MENTAL INFERIOR”

  1. A. Cavalcanti disse:

    Obrigado pelo incentivo.
    A.Cavalcanti

  2. A. Cavalcanti disse:

    Obrigado pelo incentivo. Fico contente por ter gostado.
    A.Cavalcanti

  3. A. Cavalcanti disse:

    Comentários como o seu me incentiva. Obrigado. Continue atento logo publicarei matérias novas.
    A.Cavlcanti

  4. A. Cavalcanti disse:

    Comentários como o seu me incentiva. Obrigado. Continue atento logo publicarei matérias novas.
    A.Cavalcanti

Leave a Reply